• 21 2245 5980
  • Rua do Catete, 311, sl. 711, Largo do Machado | RJ

Segurança na realização do teste de esforço

team member single image

Teste Ergométrico


O que é o Teste Ergométrico?
Consiste numa caminhada em esteira ergométrica com duração entre 10 e 15 minutos, onde o médico cardiologista avalia as alterações clínicas, os sintomas e o eletrocardiograma do paciente antes, durante e após o esforço.

Qual o preparo para a realização do Teste Ergométrico?

- Trazer o “Pedido do Exame” e “Lista das Medicações” utilizadas.
- Utilizar roupas apropriadas para o exercício como tênis ou sapato com sola de borracha, bermuda ou calça de ginástica, Top ou sutiã (para mulheres).
- Trazer toalha e lâmina de barbear (para homens)
- Não utilizar nenhum tipo de creme, óleo ou hidratante no corpo.
- Não ficar em jejum. Fazer uma alimentação leve 2 horas antes do exame.
- Não ingerir alimentos com CAFEINA (Café, chocolate, refrigerantes, chá, energéticos e achocolatados).
- No dia do exame não consumir bebidas alcoólicas, não fumar nem fazer exercícios.

O Teste Ergométrico pode ser realizado em crianças?

A idade mínima para a realização do Teste Ergométrico na clínica CardioRio Exames é de 06 (seis) anos de idade. Pacientes com menos de 18 anos devem vir acompanhados por um responsável legal.

O Teste Ergométrico pode ser realizado em gestantes?

Não, esta é uma contraindicação relativa para a realização do exame.
Posso tomar minhas medicações de uso contínuo no dia do Teste Ergométrico?
Sim. As medicações só devem ser suspensas por ordem do médico que solicitou o exame.

Quais as indicações para realização do Teste Ergométrico?

O exame é indicado para identificar e avaliar o prognóstico de doenças cardiovasculares como angina, infarto do miocárdio, arritmias cardíacas, insuficiência cardíaca e outras. É importante para avaliar a eficácia do tratamento de doenças cardiovasculares e também é útil para avaliar a capacidade funcional, condição aeróbica e prescrever exercícios. (1)

O Teste Ergométrico tem alguma contraindicação?

Não devem realizar o teste ergométrico pacientes com arritmias graves, estenoses valvares moderadas a grave, angina instável e infarto agudo do miocárdio recente.
Pacientes com lesão de tronco de coronária esquerda, síncopes, bloqueio átrio ventricular de alto grau, presença de desfibrilador Implantado ou marca-passo, insuficiência cardíaca avançada, hipertensão pulmonar e cardiomiopatia hipertrófica devem realizar o exame apenas em ambiente hospitalar. (1)

Existe algum risco na realização do Teste Ergométrico?

O risco de ocorrer algum problema grave como infarto agudo do miocárdio, acidente vascular encefálico ou morte durante o exame é baixíssimo, menor que 1 paciente a cada 10.000 exames. Problemas com baixa gravidade também são incomuns, mas podem ocorrer arritmias leves, hipertensão refratária, desmaios e quedas. (1)

Posso sentir alguma coisa durante o Teste Ergométrico?

Embora não sejam comuns podem ocorrer tonteira, dor de cabeça, dor nos braços e nas pernas.

Qual a sensibilidade, especificidade e valor preditivo do Teste Ergométrico para isquemia no coração?

Estudos mostram que a sensibilidade e especificidade situam-se em torno de 70%. O valor preditivo, no entanto, varia muito (entre 20 e 80%) dependendo da prevalência de doença na população. (1,2)

Existe algum exame que possa substituir o Teste Ergométrico?

Dependendo do tipo de investigação que o médico assistente esteja realizando, ele pode optar, em pacientes com dificuldade de caminhar ou com algumas alterações do eletrocardiograma basal, por outros exames, como: cintilografia miocárdica, ecocardiograma de estresse, ou outros. Estes exames são, porém, invasivos e submetem o paciente a utilização de medicações ou contrastes injetáveis.

Referências:

1) Gianrossi R, Detrano R, Mulvihill D, Lehmann K, Dubach P, Colombo A et al. Exercise-induced ST depression in the diagnosis of coronary artery disease: a meta-analysis. Circulation. 1989; 80(1):87-98.
2) Allen WH, Aronow WS, Goodman P, Stinson P. Five year of follow-up of maximal treadmill exercise stress test in asymptomatic men and women. Circulation. 1980; 62(3): 522-7.
3) Stuart RJ, Ellestad MH. National survey of exercise stress testing facilities. Chest. 1980; 77(1):94-7.